Templo de Wudang

Templo dos Cinco Imortais de Wudang

O Templo dos Cinco Imortais de Wudang localiza-se na cordilheira das Montanhas de Wudang, na China. Está no extremo mais ocidental da cordilheira, num pico chamado Cavalo Branco. Uma fortaleza foi estabelecida na montanha há 1000 anos, durante um período de guerra e o lugar tornou-se conhecido como “o santuário”. As pessoas retiraram-se para aqui e foram protegidas por cinco sábios sagazes, mais tarde referidos como os Cinco Imortais. Desde então, o templo tem existido de muitas formas, no pico desta montanha.

Wudang Temple

Templo de Wudang

 A estrutura atual do templo tem mais de um século. É um templo humilde, relativamente desconhecido, exceto para os habitantes locais. Raramente teve mais de 1 a 2 praticantes daoistas a residir num dado momento. O Superior Daoista Li Shifu, tem sido o Mestre do Monte Wudang, aqui residente nos últimos 15 anos, servindo como um guardião do Templo de Wudang, tocando o sino para os peregrinos aos pés dos Cinco Imortais, explorando o Dao, o universo e a vida. Este foi sempre um poderoso e calmo lugar para cultivar (desenvolver) e possivelmente ascender à imortalidade. A 1048 metros de altitude, deste podemos avistar o Rio do Dragão Amarelo da província de Hubei. A aldeia mais próxima localiza-se no sopé da montanha e desta chegamos ao templo subindo pelos trilhos da montanha, durante cerca de uma hora. Da aldeia à vila mais próxima demora cerca de meia hora e da vila à cidade mais próxima, demora uma hora de autocarro. Desde à muito, que os aldeões tomam o Templo de Wudang como um lugar central de oração, e consideram os Cinco Imortais como sendo os protetores celestiais de si próprios e das suas famílias. Em dias especiais festivos, estes caminharão pela montanha acima para prestar o seu respeito ou transportar necessidades diárias para os daoistas.

 

  No passado, o templo de Wudang era extremamente esfarrapado. Só após a chegada do Li Shifu em 1995, começou o templo as obras de renovação, de forma muito lenta e árdua, devido ao seu estado extremamente deteriorado. A fim de reparar o templo e melhorar a condição do templo, começámos um projeto para ajudar o Li Shifu na renovação do templo. O nosso próximo objetivo é angariar fundos, para construir uma Torre de Sino e Tambor em torno do Salão da Guanyin. Até hoje o templo continua a meio das melhorias necessárias para o restaurar.

 

Stairs to Wudang Temple

Templo de Wudang

Estando a entrar no ano de 2014, o número de peregrinos e turistas na China tem vindo a aumentar e o lugar uma vez sagrado está lentamente a mudar. As pessoas da cidade reúnem-se agora na montanha aos finais de semana para dar ao seu corpo e mente um momento de tranquilidade. O templo de Wudang permanece sossegado durante a maior parte do inverno, ficando mais ocupado com turistas e peregrinos nos meses de primavera e verão. Para o verdadeiro cultivo, os distúrbios dos adoradores e dos turistas são, de fato, um bom material para formar vastos laços e ajudar-nos a afinar. No entanto, para os praticantes Dandao (alquimia interna) mais profunda, bem como para as pessoas que se cultivam em silêncio e na meditação apara afinarem-se em reclusão, forneceremos alojamento puro, tranquilo e isolado para a sua busca.

Mas como dito pelo Li Shifu: “Não fechem os portões do templo.” Um templo de Wudang não é apenas um lugar para cultivar, adorar os espíritos e comunicar com seres superiores, mas também um lugar para os indivíduos conectarem com o universo; Um lugar para prestar o respeito a seres celestiais de soberba inteligência; Uma plataforma para encontrar o nosso verdadeiro eu, para unificar com o céu e a terra, bem como a natureza. Pessoas de todos os cantos, que estão destinadas a encontrar o Dao, são bem-vindas.